Indicações

O grande número dos medicamentos que se apresentam em conjuntos de potências e dos medicamentos compostos correspondentes cobre o vasto espectro de indicações antihomotóxicas da terapia homeopática na sua totalidade.

Os seus limites encontram-se aonde o diagnóstico indica que foi ultrapassada ou destruída a capacidade de auto-regulação do organismo.

Muitos preparados em conjunto de potências e compostos incluem no campo das suas possibilidades tanto as fases homotóxicas humorais (1 e 2) e as fases de matriz (3 e 4) bem como as celulares (5 e 6).

Por esta razão, as suas indicações vão desde as enfermidades agudas inflamatórias até aos processos degenerativos catabólicos e aos danos provocados por fatores ambientais, passando por enfermidades crônicas.

A escolha correta individualizada do medicamento antihomotóxico e das potências, assim como o seu modo de aplicação combinada, são de transcendental importância para o êxito do tratamento.